Joana Duáh

Brasília não é celeiro exclusivo do rock: tem gente muito boa de outros gêneros.

É hora e vez de  Joana Duáh  conquistar o seu espaço – com muita legitimidade – nos circuitos que distinguem as grandes intérpretes.

Brasília, mais uma vez e com muito orgulho, vai ser referência de origem dessa intérprete de voz macia que já passou pelo pop-rock-reggae e que agora namora o samba. E é samba da melhor qualidade o que ela nos oferece no seu primeiro CD “Dá Licença“.

Joana Duáh já tem trajetória nacional e internacional que nos garante tratar-se de uma estrela de primeira grandeza. Assim, muito em breve, terá que substituir os espaços pequenos aonde vem se apresentando (com assiduidade no eixo Rio – São Paulo) pelos grandes palcos e estruturas que confortavelmente correspondem ao tamanho do seu talento.

Confiram na entrevista abaixo: trajetória, visão e as músicas de Joana Duáh.

Encontros – bate-papo com Ricardo Brito (Rádio Roquette Pinto)