Out of Africa

“Out of Africa” (1985), ou “Entre Dois Amores” como foi lançado no Brasil, é uma das melhores direções de Sydney Pollack. Com um orçamento de 31 milhões de dólares, foi plenamente justificado pela quantidade de Oscar recebidos em 1986 (filme, direção, roteiro adaptado, fotografia, trilha sonora, direção de arte e som). Mesmo sem ter recebido a estatueta na indicação de melhor atriz, Meryl Streep contribuiu em muito para a excelência do filme.

Roteiro de Kurt Luedtke baseado no livro autobiográfico de Karen Blixen, a baronesa dinamarquesa que em 1914 vai para o Quênia após um casamento por conveniências com o Barão Von Blixen-Finecke, se apaixona pelo caçador Denys Finch Halton e manifesta um amor surpreendente pela África e sua gente.

Embora inesgotáveis reverências devam ser feitas a Meryl Streep no papel da baronesa, Klaus Maria Brandauer (no papel do barão) e Robert Redford (no papel do caçador) não podem ser omitidos na contribuição para que este filme permaneça na memória de muitos pela emoção que nos impõe.

A fotografia de David Watkin (“Carruagens de Fogo” entre muitos outros) é de uma beleza que tira o fôlego em muitos momentos e nos mostra uma África que nunca deveria ter sido violada pelo “homem branco” tal a grandeza dos cenários que nos são mostrados, que pulsam uma autenticidade primitiva como tudo que é essencialmente simples. E quando se fundem fotografia e uma trilha sonora considerada por muitos como um dos temas mais belos do cinema mundial (John Barry – “Dança com Lobos”, “Em Algum Lugar do Passado”), faltarão lágrimas – não de tristeza, não de alegria – de encantamento.

Recomendo a todos que não deixem de ver/rever esse filme porque a história foi filmada a partir das lembranças de quem as viveu. Apesar do tempo decorrido de quando o assisti pela primeira vez, revê-lo me trouxe uma maior intensidade na percepção de dados históricos e dos contrastes das personalidades que fazem desta uma biografia que justifica e engrandece o sentido de uma vida.

Deixo para vocês o tema do filme registrado com cenas do mesmo:

 

Um Comentário até agora.

  1. Tania disse:

    Taí uma boa pedida: rever esse filmaço! Deu água na boca. Beijo