• Sentimentos acontecem dos fatos

    Para sempre, Seu Alfredo

    Há dezesseis anos conheci o Seu Alfredo. Em 2005 ele era corretor e morador no Condomínio onde vim também a morar a partir dos serviços profissionais dele. Não sei exatamente como cheguei até ele, ou quem me o indicou. Só sei que a cada casa que ele me mostrava, que naquele tempo eram muitas, eu só dizia “não tem vista”, “não tem vista”. Até que ele já cansado das minhas recusas disse: “pois bem, se é vista que você quer, me siga”. Subimos uma rua sem saída e perto do final, ele parou o carro em frente a um portão tipo fazenda, todo de madeira que fechava aproximando duas metades.…

  • Sentimentos acontecem dos fatos

    Aos muitos que dependem da nossa saudade

    Por uma questão didática podemos imaginar uma caixa d´água que, gota a gota, fosse dispensando o líquido sem nenhum tipo de reposição, e um belo dia nos surpreendêssemos ao dar conta que a caixa d´água está vazia. São fenômenos que vão acontecendo mansamente, sem alarde, com uma nociva timidez, tecendo suas amarguras na distração de quem deverá suportá-las. É assim que muitos tipos de câncer se instalam. Os mais cuidadosos convivem com o câncer desde muito cedo, desde quando estabelecem rotinas preventivas. Ou seja: ao tempo que evitam o convívio do mal, se permitem dialogar com ele. A perda da fé talvez escorregue da vida com a mesma discrição. É…